Boca Juniors Brasil - TURMA FEMININA DE SANTOS TREINA COM AMOR E POR AMOR 6c1b9f769a228f4e934751ae3ae21f5a

NOTÍCIAS

TURMA FEMININA DE SANTOS TREINA COM AMOR E POR AMOR

Publicado em 19/6/2019


TURMA FEMININA DE SANTOS TREINA COM AMOR E POR AMOR

A unidade Santos II das Escolas de Futebol do Boca Juniors está com uma turma feminina recheada de mulheres apaixonadas pelo esporte. As terças e quintas, das 14h às 15h30, as meninas se juntam para muito suor, esforço e diversão. Tudo para manter vivo o amor que foi plantado inicialmente pelos pais delas.

“Meu pai me levava à Vila Belmiro quando criança e ai eu acabei pegando o gosto pelo futebol”, diz Laysa Sorrentino, de 19 anos. “Pensei em fazer teste para o Santos esse ano, mas eram apenas para nascidos em 2002 para frente”.

Treinando no Boca, as meninas conseguiram uma válvula de escape para praticar futebol de uma forma que as ajudem a desenvolver sua técnica. “O diferencial daqui são os treinamentos, pois em muitos lugares só jogam a bola no centro, formam dois times e pronto, joguem ai. Aqui não! Nós treinamos fundamentos e outras partes físicas para sempre estarmos melhores”, afirma Beatriz Nakano, de 20 anos.

O futebol hoje virou hobby para elas por conta da falta de incentivo e do enorme preconceito que o Brasil tem em relação às mulheres jogando futebol. “Nunca me deixaram jogar. Sempre rolou muito preconceito na minha família com meu gosto pela bola. Agora, já adulta, me reencontrei com o esporte depois de um período muito difícil na minha vida”, conta Aryane Cavalcante, de 27 anos.

“Meu pai tem preconceito!”, expõe Bárbara Menezes, de 19 anos. “Ele é treinador de futebol, meu irmão joga profissionalmente, mas ele nunca quis me treinar individualmente”.

Bárbara morou nos Estados Unidos por seis meses. Ela conviveu de perto com a diferença de estrutura e incentivo que o futebol tem para as meninas em relação ao Brasil. “Aqui não tem apoio nenhum comparado lá fora. Elas crescem praticando esporte na escola, recebem bolsas para a faculdade. Aqui, uma mulher sair do trabalho para treinar futebol é perda de tempo, enquanto para o homem é investimento”, comenta de forma irônica.

Na última quinta-feira (13), as alunas se reuniram para assistir o primeiro tempo do confronto entre Austrália e Brasil, pela Copa do Mundo Feminina. A tensão tomou conta do ambiente e apostas foram feitas em um bolão. Infelizmente, nenhuma venceu, pois apostaram em vitória das nossas meninas. Mas isso não impediu a felicidade das alunas xeneizes durante o treinamento coletivo.

No final, ainda fizeram um happy hour com um bolo de chocolate, refrigerantes e muita, mas muita conversa.

A unidade Santos II está localizada no Templo do Futebol, na Praça Cel. Fernando Prestes, 34/36 – Estuário. Telefone para contato é (13) 3385-4877 ou (13) 3012-5411. O e-mail é santos2@bocajuniorsbrasil.com.br. Para mais informações, acesse www.bocajuniorsbrasil.com.br/santos2.


Compartilhe: