Boca Juniors Brasil - Avaliação técnica chega ao fim nesta sexta-feira (16) 6c1b9f769a228f4e934751ae3ae21f5a

NOTÍCIAS

Avaliação técnica chega ao fim nesta sexta-feira (16)

Publicado em 16/9/2016


Avaliação técnica chega ao fim nesta sexta-feira (16)

O sonho em atuar em uma das maiores equipes do mundo pode se tornar realidade para 16 alunos das Escolas de Futebol do Boca Juniors no Brasil, selecionados por meio de um processo de avaliação técnica anual, desenvolvida recentemente pelo clube portenho em 15 unidades espalhadas pelo país. Os jovens, entre 11 e 15 anos, desembarcaram em Buenos Aires, na Argentina, na última segunda-feira (dia 12), onde estão hospedados na mítica “Casa Amarilla”, antigo Centro de Treinamento da equipe profissional e atual casa das equipes de base.

Durante o processo os brasileiros estão tendo a oportunidade de treinarem com os atletas portenhos e conhecerem de perto toda a estrutura e metodologia de trabalho desenvolvida pelo Boca Juniors. “Muito mais do que revelar jogadores, nossa ideia é tornar essa experiência única para esses garotos que estão apenas começando no mundo da bola”, revela Higor Nunes dos Santos, diretor da DFS Gol Business, empresa responsável pela gestão das Escolas do Boca Juniors no Brasil.

Além dos treinamentos diários, o clube portenho preparou uma extensa programação, com direito a palestra sobre nutrição esportiva, visitação ao Museo de La Pasion Xeneize e aos Centros de Treinamentos dos times profissional e feminino, e ainda, passeios pelos principais pontos turísticos de Buenos Aires. “É, sem duvida, um grande estímulo para os nossos alunos se tornarem um jogador de futebol. Vivermos a realidade e o dia a dia de um time multi campeão e reconhecido pela excelência na sua metodologia de treinamento, certamente, ficará na nossa lembrança para sempre”, disse o coordenador da unidade Santos (SP) e responsável pela comitiva em solo argentino, Rodrigo Lopes Cavalcanti de Abreu.

Todo o processo encerra-se nesta sexta-feira (dia 16) quando os alunos receberão o feedback da comissão técnica do Boca Juniors. Os atletas participantes são: Pedro Américo, Eduardo Britos e Diogo Oliveira (Brasilia), Gustavo Moreira (Recife), Diego de Oliveira (Picos), Liedson Melquíades (Duque de Caxias), Lucas Quaresma (Rio de Janeiro), Arthur Wolkers, Enrico Gonzales, Gabriel Marques e João Cavaletti (Campinas), Gabriel Guedez (Sumaré), Gabriel Chagas (Itupeva), Jonathan Cosme (Guarujá), Davi Alves (São Paulo) e Dylan Martin (Cotia). 

Processo de avaliação no Brasil

Como diferencial de mercado, as Escolas de Futebol do Boca Juniors Brasil disponibiliza para todas as unidades da rede, uma avaliação técnica anual com a presença de um coordenador técnico do clube argentino. Essa avaliação tem como objetivo medir a qualidade e a evolução técnica dos atletas, assim como aferir se a metodologia técnica está sendo ministrada e aplicada corretamente pelos profissionais envolvidos nas unidades brasileiras.

A seleção desses atletas ocorre somente por indicação do coordenador técnico do Boca Juniors, não sofrendo intervenções do professor, do franqueado ou do franqueador. O processo de seleção consiste em habilidades técnicas, responsabilidade tática, estrutura e condicionamento físico, fundamentos aprimorados e postura em campo, observando a idade de cada jovem.

Após cada etapa da avaliação técnica, o coordenador técnico realiza alguns comentários que possibilitam aos participantes um melhor entendimento da filosofia do Boca Juniors em formar jogadores de futebol. Essas informações são fundamentais para o entendimento e crescimento de todo atleta sobre como jogar o “jogo-futebol” e, sobretudo, desenvolver-se na carreira de atleta.

Inovação

O Clube Atlético Boca Juniors é o primeiro clube estrangeiro a adotar escolas de futebol no Brasil e o seu projeto é desenvolvido em parceira com a DFS Gol Business, licenciadora master da marca das Escolas de Futebol do CA Boca Juniors no País. 

Atualmente, são 34 unidades espalhadas pelo Brasil, atuando nas cidades de Blumenau (SC), Brasília (DF) – 3 unidades, Campinas (SP) – 5 unidades, Canoas (RS), Cotia (SP), Curitiba (PR) – 2 unidades, Duque de Caxias (RJ), Guarujá (SP), Guarulhos (SP), Itupeva (SP), Jaboatão (PE), Mauá (SP), Méier (RJ), Paulínia (SP), Paulista (PE), São Caetano (SP) – 2 unidades, São Paulo (SP) - 3 unidades, Santo André (SP), Santos (SP), Sorocaba (SP) – 2 unidades, Sumaré (SP) - 2 unidades e Valinhos (SP). Além disso, está presente em cursos extra-curriculares em escolas particulares administradas pela empresa Pró-Kids. 


Compartilhe: